PRINCIPAIS PLAYERS DOS MERCADOS DE PROVEDORES DE INTERNET E DATA CENTERS ESTARÃO REUNIDOS EM FORTALEZA

 

Nos dias 5 e 6 de abril o Nordeste será palco de um megaevento na área de tecnologia: o 6° Congresso RTI de Provedores de Internet e o 8° Congresso RTI de Data Centers, que acontecerão simultaneamente no Hotel Praia Centro & Convenções, em Fortaleza, CE. Antes independentes, agora os dois encontros se unem por um motivo especial: os provedores de Internet também estão investindo em data centers para levar novos serviços de dados a seus assinantes.

Importante ponto de tráfego de dados entre a América Latina e o resto do mundo, Fortaleza está se tornando um hub de telecomunicações no país. Cabos submarinos chegam na capital cearense vindos dos EUA, Europa e África e grandes data centers estão sendo construídos na região, abrindo um enorme potencial de investimentos no mercado de tecnologia.

 

Provedores de Internet

O Congresso de Provedores reunirá os principais players do segmento para discussões sobre tecnologias de acesso, regulamentação, geração de receita com novos serviços de valor agregado e oportunidades no mercado de banda larga. Em sua sexta edição, o Congresso de Provedores é realizado desde 2013 em diferentes cidades do país: começou em São Paulo, mas depois foi levado para Recife (PE), Natal (RN) e Belo Horizonte (MG), devido à característica regional desse mercado. Em todas as edições, sempre reuniu um grande número de participantes (mais de 400) e empresas na feira paralela.

O setor de provedores regionais, que cresceu 30% no último ano, já atende 3 milhões de assinantes e corresponde a 15% do mercado brasileiro de banda larga fixa. As empresas somam mais de 5000 no país e crescem três vezes mais rápido do que as teles, mesmo em plena retração da economia. Cabe a eles a democratização das conexões nas pequenas cidades do interior e zonas rurais do país, locais muitas vezes não atendidos pelas grandes operadoras.

Um dos grandes desafios do setor é a implantação da fibra óptica. O país tem cerca de 26 milhões de assinantes de banda larga, dos quais apenas 3% são conectados por fibra óptica. Para atingir o patamar equivalente a 12,5 milhões de residências é necessário investir R$ 9 bilhões. A expansão seria realizada pelos pequenos e médios provedores, que tem maior facilidade e interesse em chegar a localidades às quais os grandes não vão.

 

Data centers

Realizado desde 2008 em São Paulo, neste ano o Congresso de Data Centers será realizado em Fortaleza devido ao potencial de investimentos na região Nordeste. “Os cabos submarinos devem promover em um curto espaço de tempo a formação de um importante centro de dados em nuvem na cidade”, diz Paulo Barbosa, coordenador da SDE – Secretaria de Desenvolvimento Econômico da Prefeitura Municipal de Fortaleza, que desenvolve o projeto “Parque Tecnológico”, vinculado ao Programa de Apoio a Parques Tecnológicos e Criativos de Fortaleza – PARQFOR (Lei Complementar 205/2015), com incentivos para as empresas investirem em gestão da inovação na cidade.

Além do ambiente favorável do ponto de vista geográfico e político, o mercado de data centers continua crescendo de forma significativa, impulsionado pelas aplicações cada vez mais digitais. Atualmente cerca de 16 bilhões de dispositivos estão conectados no mundo e 90% das informações que temos hoje foram geradas nos últimos dois anos. Computação em nuvem, aplicativos, dispositivos móveis e redes sociais aumentam o volume de dados e demandam infraestruturas cada vez mais complexas, com grande capacidade de armazenamento, flexibilidade e rápido tempo de resposta.

Congresso RTI de Data Centers mostrará como se preparar para as novas exigências que estão definindo os rumos do setor, levando os maiores especialistas para falar sobre computação em nuvem, colocation, segurança, IoT – Internet das Coisas, eficiência energética e mini data centers. O evento também terá a participação de representantes do governo local, que mostrarão as condições e os incentivos para as empresas investirem no município.

Mais de 400 profissionais de TI e infraestrutura, provenientes de órgãos públicos, indústrias, instituições financeiras, varejo e universidades de todo o Nordeste estarão reunidos no evento. Ao levar a iniciativa para o Ceará, o congresso contribui para fomentar mercados importantes, de grande potencial de crescimento, mas ainda fora do radar dos grandes eventos do setor, geralmente concentrados na capital paulista.

 

Mercado

Segundo um estudo da DatacenterDynamics, o mercado brasileiro de data centers deve movimentar US$ 11 bilhões em 2017, impulsionado por investimentos em novos equipamentos e soluções, migração para plataformas como o colocation e terceirização. Ainda de acordo com a pesquisa, o país concentra 45% de todos os centros de armazenamento de dados existentes na América Latina. E o consumo de energia nessas unidades deve atingir um total de 1490 MW.

Já o mercado de nuvem tem um potencial de US$ 250 bilhões no mundo, crescendo de 7% hoje para 46% em 2020, segundo o IDC, empresa de estudos de mercado

 

Conexão de internet no Brasil

 

26 milhões de assinantes

44% dos domicílios têm acesso à Internet (10% possuem conexão discada)

15% possuem velocidade acima de 12 Mbit/s

3% das conexões no Brasil são por fibra óptica

 

Serviço

Congressos Provedores de Internet e Data Centers 2017 (com feira paralela)

Data: 5 e 6 de abril de 2017

Local: Praia Centro Hotel & Convenções

Endereço: Av. Monsenhor Tabosa, 740, Praia de Iracema, Fortaleza, CE

Horário: Dia 5 de abril das 14 às 18h; dia 6 das 9 às 18 horas

Organização: Aranda Eventos

Telefone: (11) 3824-5300

E-mail: info@arandaeditora.com.br

Web site: www.arandanet.com.br

Deixe sua resposta

Abramulti

Skype:abramulti@hotmail.com

+55 (11) 3172-5309

financeiro@abramulti.com.br

Av. Alfredo Egídio de Souza Aranha, 75 CJ 62 Bloco B

04726-170 - São Paulo - SP

Fale Conosco: